CPFL | 100 Anos Gerando História
Projeto Memória Viva
Home -  Nossa gente -  Disnei de Oliveira
acesso rápido:

Disnei de Oliveira

Disnei de Oliveira

Veja em: 256 Kbps

“Fiquei triste por causa da demissão de vários colegas.”

O funcionário Disnei de Oliveira é muito, mas muito tímido mesmo. Seu trabalho na CPFL é fazer levantamento de campo quando há necessidades de executar uma obra. Ele ingressou na companhia quando ela era estatal administrada pelo governo do estado. Sua primeira função foi a de atendente comercial, um funcionário que lida com o público.

Disnei acompanhou o período da privatização e comentou que a empresa melhorou muito, mas que foi triste ver os amigos perderem o emprego e muita gente chorando devido à grande redução do quadro funcional. "Foi um momento angustiante. Eu estava alegre por ficar, mas ao mesmo tempo triste por causa da demissão de vários colegas", lembra Disnei.

Agora ele tem uma "herdeira" da cultura CPFL em casa. É que sua filha, Danitielle de Oliveira, também trabalha na companhia. "E foi por insistência da própria Danitielle que ela é funcionária da CPFL. Eu nunca dei força para isso, porque achava que era um ambiente muito masculino para uma mulher trabalhar. Mas ela gosta muito da empresa e está feliz", afirma o pai.

Leia mais no briefing de Danitielle de Oliveira.